Ocorreu um erro ao tentar enviar sua mensagem Verifique sua conexão de intenet e tente novamente, caso persista, mande um e-mail para contato@ipplan.org.br

Mensagem enviada com sucesso! Agradecemos o seu interesse. O mais breve possível entraremos em contato.

Atualidades

Saiba as notícias e novidades relacionadas ao IPPLAN

VOLTAR

Publicado em 21/11/2016

IPPLAN reúne empresários e representantes da sociedade civil em Seminário sobre Desenvolvimento Econômico e Manufatura Avançada

O “Desenvolvimento Econômico e Manufatura Avançada” foi tema do Seminário promovido pelo IPPLAN (Instituto de Pesquisa, Administração e Planejamento) com o apoio da FATEC (Faculdade de Tecnologia de São Paulo). O evento aconteceu no dia 18 de novembro, no auditório do hotel Golden Tulip, em São José dos Campos – SP, e reuniu aproximadamente 100 pessoas, entre empresários, acadêmicos e demais representantes da sociedade civil.

O diretor-geral do Ipplan, Celio Chaves, participou da abertura do evento e destacou que a intenção do Seminário é apoiar o poder público e a sociedade a criar uma prática de planejamento a longo prazo. “Queremos analisar as tendências e as possíveis incertezas referentes ao município para que possamos nos preparar para o futuro. Assim, aprofundando debates como este, daremos condições para que a sociedade possa se preparar para os próximos 20 e 30 anos”, disse.

A primeira palestra do evento foi do analista de planejamento do IPPLAN, Guilherme Rosa, que fez a apresentação dos resultados do Estudo de Cenários Futuros SJC 2035. Guilherme falou sobre a metodologia utilizada no estudo, que teve a duração de seis meses, e as principais análises realizadas.

Para identificar os principais desafios estratégicos e impactos para futuro da cidade no médio e no longo prazos, o IPPLAN entrevistou líderes comunitários, empresários, dirigentes municipais e especialistas, por meio de 43 encontros presenciais e reuniões de trabalho.

A partir daí, foram elaborados cinco cenários para São José dos Campos, focados em dois eixos principais - Eixo Econômico e Eixo Urbano - Sociocultural. As projeções têm como horizonte o ano de 2035 e apontam para as diferentes prospecções que divergem desde um cenário com a tecnologia e conhecimento como protagonistas de uma cidade integrada e vibrante até ao cenário onde a cidade torna-se decadente e em estagnação, com lento declínio econômico.  

 “O estudo leva em conta que o futuro é um campo de possibilidades e o conteúdo abordado nos mostra quais são os cenários possíveis que podemos explorar nos próximos anos.  É preciso estar preparado e se antecipar às ações e questionar qual é a nossa capacidade de influenciar neste futuro”, comentou Guilherme.

A segunda palestra foi sobre a Manufatura Avançada e Cenários Futuros de SJC 2035, realizada pelo professor Jefferson Gomes, do ITA/Senai-SC. Jefferson demonstrou o conceito da Indústria 4.0, tema central do Seminário. “Esse assunto não visa tratar de tecnologia em sí, mas sim do uso dela e sua influência em novos negócios, bem como as regulações exigentes, infraestrutura necessária e quais são os talentos para esse novo setor”, afirmou.

Após as apresentações, o público participou de uma roda de debate com a moderação do diretor da Faculdade de Tecnologia de São José dos Campos, professor Luiz Tozi, e presença do diretor de Negócios do Parque Tecnológico de São José dos Campos, Marcelo Sáfadi, além do diretor do IPPLAN, Célio Chaves e do professor Jefferson Gomes.

Saiba mais:

Todo o conteúdo do evento pode ser assistido em vídeo disponível na Fanpage do IPPLAN

O Seminário é o primeiro de uma série de debates relacionados ao Estudo de Cenários Futuros SJC 2035 com a proposta de criar espaços para a contribuição da sociedade, empresas e instituições na ampliação deste debate.

Conheça o estudo Cenários Futuros SJC 2035: http://www.ipplan.org.br/files/media/originals/cenarios_futuros_sjc_2035.pdf

Síntese ilustrada dos cenários: http://www.ipplan.org.br/files/media/originals/cenarios_futuros.pdf

Galeria de imagens:

Veja também