Ocorreu um erro ao tentar enviar sua mensagem Verifique sua conexão de intenet e tente novamente, caso persista, mande um e-mail para contato@ipplan.org.br

Mensagem enviada com sucesso! Agradecemos o seu interesse. O mais breve possível entraremos em contato.

Artigos

Queremos compartilhar o que temos produzido

VOLTAR

Os Gestores Públicos estão buscando acirradamente alternativas para reduzir os custos e disponibilizar recursos para investimentos que gerem benefícios à população. Para ajustar o orçamento, visando manter os programas e projetos de governo, é necessário priorizar, adaptar e inovar.

Uma das medidas para racionalização das despesas está no olhar mais apurado para o Departamento de Compras. Quando os processos deste setor estão bem definidos e alinhados às prioridades da gestão, trazem oportunidades de economia e benefícios aos cofres públicos.

Este setor geralmente envolve a gestão do planejamento das compras, a seleção de fornecedores, cotações e o controle de materiais. O planejamento das compras e o controle do que se compra são essenciais e obrigatórios quando se pretende diminuir custos e otimizar recursos.

Pensando nisso, o IPPLAN (Instituto de Pesquisa, Administração e Planejamento) tem atuado em prefeituras com projetos voltados a este setor, compreendendo a realização de um diagnóstico situacional e o redesenho de processos. Nosso método abrange a construção de um planejamento de compras, a implantação de normas e diretrizes até a criação de sistemas de controles. Com a racionalização de recursos humanos e materiais, e a padronização dos procedimentos é possível observar ganhos, não só financeiros, mas também na qualidade dos serviços prestados pelo setor, resultando em maior transparência e controle para os Gestores.

Existe grande complexidade em tratar o tema de redução de despesas. Não é simples, nem rápido, envolve mudança cultural da equipe e investimentos, mas é possível obter resultados expressivos e fazer “mais, com menos” nas contas públicas.

Crédito: Artigo publicado no Jornal O Vale, 03/05/2015

Larissa Gonçalez Quaresma

Gestora de Projetos

Veja também