Ocorreu um erro ao tentar enviar sua mensagem Verifique sua conexão de intenet e tente novamente, caso persista, mande um e-mail para contato@ipplan.org.br

Mensagem enviada com sucesso! Agradecemos o seu interesse. O mais breve possível entraremos em contato.

Artigos

Queremos compartilhar o que temos produzido

VOLTAR

Um olhar sistêmico sobre São José

O exercício de pensar a cidade de São José que desejamos para o futuro é muito mais do que pensar nos atributos que ela poderá ter. É preciso considerar as características marcantes típicas da cidade hoje, os problemas que enfrenta, as oportunidades de desenvolvimento percebidas, o que ela oferece e pode oferecer para a sua população. 

Todos estes fatores estão interligados por relações de influencia formando um grande e complexo sistema. Sendo assim, as ações e intervenções que possam ser tomadas necessitam estar alinhadas com as expectativas e anseios que a cidade possui, caso contrário, estas intervenções poderão contribuir para resolver problemas específicos e acarretar outros. 

Para evitar as propostas de solução de problemas isolados, todo o planejamento de mudança para a cidade de São José precisa ser concebido de forma sistêmica, a fim de possibilitar o entendimento das relações entre os fatores envolvidos, ampliar o foco de visão para a compreensão do contexto onde os principais problemas da cidade estão inseridos, e como eles interferem nos demais. 

Com base nesta premissa de que São José precisa ser vista de forma sistêmica antes de qualquer ação de mudança, o IPPLAN participará do seminário ELAPDIS 2013, organizado pelo ITA. Profissionais do IPPLAN, professores e alunos do ITA, bem como representantes da Prefeitura estarão juntamente com pensadores latino-americanos especializados em visão sistêmica de diversos países, dedicando três dias para pensar sobre a cidade de São José idealizada de forma sistêmica. 

Para o IPPLAN, que tem sua atuação também ligada ao setor público, esta oportunidade de discutir os problemas da cidade e construir visões de futuro, com enfoque sistêmico e interativo com os demais participantes, se faz oportuna para reflexões e exercícios de planejamento e ações que contribuam ao desenvolvimento de soluções sustentáveis e integradas.

Crédito: Artigo publicado no Jornal O Vale 26/11/2013

Paloma Ribeiro dos Santos

Analista de Projetos

Veja também